Atletas da base participam de palestra sobre o Setembro Amarelo

Na manhã desta quarta (19), as categorias Sub19, Sub17, Sub15 e Sub14, discutiram sobre um importante tema para os jovens.

Com transmissão ao vivo pelo @goiasoficial, a Dra Andréa B. Stefani Ferreira, psicóloga clínica com mais de uma década de experiência em saúde mental, especialista em gestalt terapia, aprimoramento em atendimento de crianças e adolescentes, orientações a pais e escolas, fundadora da PAXkids - Centro de Desenvolvimento da infância e adolescência , professora e supervisora de casos clínicos do ambulatório de psiquiatria da Pax Clínica Psiquiátrica - Instituto de Neurociências.

Leia mais: Goiás apoia e desenvolve a campanha do setembro amarelo

O Goiás Esporte Clube preocupado com a saúde psicológica de seus atletas esta fazendo a campanha Setembro Amarelo: Saiba como se apoiar e como apoiar o próximo uma campanha de prevenção ao suicido neste mês estamos trabalhando com a conscientização de nossos atletas por meio de palestra documentários entre outros.

Durante a palestra foram abordados os temas:

             Bullying

             Tristeza x Depressão

             Comportamento autolesivo

             Tabus sobre o suicídio

             Mitos sobre o suicídio

             Formas de enfrentamento

             O que é felicidade

             Uso e influencia das redes sociais

             Jogos mortais na internet   

             Sofrimento psíquico

             Como ajudar

             Como pedir ajuda

             Espaço para tirar dúvidas e acolher angústias.

Em sua palestra, a psicóloga falou sobre os principais transtornos que acometem a infância e a adolescência e têm sido motivos de conflitos intensos e persistentes dentro e fora de casa. As vivências realizadas durante o evento ajudam a evidenciar e compreender o poder destrutivo de fenômenos como o bullying e todo tipo de preconceito, perseguição e dor psíquica intensa, além de alertar sobre como situações assim podem aumentar o risco de automutilação e suicídio. As vivências depois da palestra também são úteis para acalmar, apaziguar e encaminhar os participantes depois de um mergulho intenso em temas tão complexos, recorrentes e atuais.

Coordenada pela Assistente Social, Renata Borelli, auxiliada por Bianca Carvalho, e em conjunto com o Marketing. Toda comunidade da base esmeraldina, está envolvida e integrada ao projeto: Setembro Amarelo, uma campanha brasileira de prevenção ao suicídio.

Quando falamos sobre depressão ou suicídio, não vemos estas coisas como uma doença, mas sim como uma fraqueza do indivíduo, não queremos trabalhar com nossos jovens algo tão complexo por medo de incentivá-los ao ato, mas como em qualquer doença a discussão de faz necessária, saber como reconhecer sinais que as coisas não vão bem e  saber como dar apoio, é de suma importância para que uma tragédia não venha acontecer.

A depressão tem se tornado o mal do século por diversos motivos entre os principais a internet onde pode se ter acesso muito rápido a conteúdos nocivos, como um padrão de bela pré estabelecido ou um padrão de vida, e quando não se tem estas coisas você é atacado, muitas vezes dentro da sua própria casa onde deveria ser um lugar seguro  não é, por motivos que vai além do seu controle uma desestruturação familiar e diversas outras coisas, como críticas e cobranças exageradas, já na escola o bullying se faz muito presente o desmotivando e trazendo mais transtornos para aquela vida.

A discussão sobre este tema é necessária e por esta razão o Goiás Esporte Clube auxilia e desenvolve a campanha Setembro Amarelo: saiba como se apoiar e apoiar o próximo. Onde todas as atividades serão voltadas para a conscientização e prevenção deste mal.

Na partida de segunda (3), da equipe de Juniores, Goiás 5 x 0 Vila Nova, todos os atletas do Goiás Esporte Clube estiveram em campo utilizando uma braçadeira na cor amarela. As comissões técnicas das duas equipes e a arbitragem também aderiram à campanha e utilizaram um laço amarelo em seus uniformes de trabalho.

O que é o Setembro amarelo?

Setembro amarelo é uma campanha do Centro de Valorização da Vida que busca trazer o diálogo sobre o suicídio para a sociedade. Desde 2015 o mês busca a conscientização e a prevenção do suicídio.

No mundo todo, aproximadamente uma pessoa se mata a cada 40 segundos. Só no Brasil, o suicídio é a quarta causa mais comum de morte de jovens. O assunto é um tabu. Não falamos dele. A mídia evita por medo de aumentar os números, as pessoas evitam por medo do assunto em si e com isso, acabamos cortando o diálogo necessário.

Falar sobre suicídio é importante. É uma questão de saúde pública e é extremamente necessário.

O Goiás como detentor da Chancela CBF de Clube Formador, mantém uma equipe multidisciplinar para a formação global de seus atletas. Click aqui e confira toda a lista de clubes que conquistaram o selo da CBF CLUBE FORMADOR

Click aqui e confira todas as notícias sobre o Futebol de Base esmeraldino:

Diretor: Osmar Lucindo
Coord. Administrativo: Hely Maia
Coord. Técnico: Rafael Barreto
Supervisor: João Paulo Paranhos
Captação de atletas: Ismael Viana
Sub19: Augusto César
Sub17: Zé Carlos
Sub15: Guará
Sub14: Rubens Carlos
Auxiliares: Glauber, Richard e Niltinho
Preparação Física: Leandro Campos, Luis Gustavo, Ricardo Scagliusi, Rodrigo Guimarães e Felipe Barros


Voltar