Goiás e Vila empatam clássico no Olímpico

O Goiás foi melhor em campo, mais incisivo, criou as melhores oportunidades, sobre tudo no segundo tempo, mas acabou empatando com o Vila Nova por 1 a 1, no estádio Olímpico. O gol do Maior do Centro-Oeste foi marcado pelo zagueiro David Duarte, o primeiro dele como atleta profissional.

Com o resultado o Verdão segue na liderança isolada do grupo A do Campeonato Goiano, com 13 pontos. O time esmeraldino também possui a melhor campanha geral do certame estadual.

As atenções alviverdes agora se voltam para a Copa do Brasil, o Goiás fará sua estreia no torneio nacional na próxima quarta-feira, diante do Sinop, na casa do adversário, no interior do Mato Grosso.

O jogo                           

A primeira boa oportunidade da partida foi esmeraldina, Rafinha recebeu na esquerda, trouxe para perna direita e bateu, a zaga do Vila amorteceu, a bola sobrou para Maranhão, ele completou na saída de Mateus Pasinato, que conseguiu fazer a defesa.

Na grande maioria da etapa inicial a partida foi extremamente disputada de intermediária a intermediária, com as duas equipes demonstraram muita vontade, mas a quantidade de jogadas com finalização era baixa.

Aos 39 minutos, o árbitro Bruno Rezende marcou pênalti de Jefferson em cima de Matheus Anderson. Ramon cobrou e abriu o placar para a equipe colorada. O Verdão passou a pressionar ainda mais o adversário, Rafinha tentou de bicicleta e por pouco não empatou.

A vantagem do Vila não durou muito, aos 45 minutos do primeiro Giovanni cobrou escanteio, David Duarte subiu mais do que todo mundo na segunda trave e testou para as redes, 1 a 1.

Segundo tempo

No intervalo o técnico Hélio dos Anjos fez a primeira alteração, Michael entrou na vaga de Maranhão. O próprio Michael foi acionado na ponta direita, levou na linha de fundo e cruzou, Júnior Viçosa subiu de cabeça e mandou a bola no travessão.

A segunda mudança no Verdão foi a entrada de Felipe Garcia em lugar de Rafinha. O Goiás vai mais incisivo durante todo o segundo tempo em busca do gol e criou a última boa oportunidade do confronto, Giovanni cobrou falta pela linha direita quase na linha de fundo, Felipe Garcia apareceu entre os defensores e cabeceou com estilo, a bola tirou tinta da trave de Mateus Pasinato. 


Voltar